Junta Paroquial

A Paróquia é administrada pela  Junta Paroquial, eleita pela congregação e renovada em um terço a cada ano.

A Junta é presidida pelo Reitor ou Ministro Encarregado,  e de suas reuniões participam também o Clero Paroquial. Na ausência do Reitor, preside um dos clérigos coadjutores ou o Primeiro Guardião.

Clero Paroquial

Membros da Junta Paroquial (2019/2020)
  • Sra. Ann Benedict
  • Dra. Elisabeth  Ivete Sherrill
  • Sra. Helen Smith
  • Sra. Nilma Faria de Souza
  • Dra. Gabriela Lisseth Umaña Robleda
  • Srta. Gisele Prado Pimentel

Membros ex-officio, nomeados pela Junta Paroquial:

  • Sra. Vera dos Santos Vieira  –  Tesoureira Emérita
  • Dr. Hélio Ricardo Carvalho  – Tesoureiro
Funções do Membros da Junta Paroquial

As funções dos membros da Junta Paroquial são as seguintes:

  • Primeiro(a) Guardião(ã): Substitui o ministro nas reuniões da Junta e nas questões administrativas, nos impedimentos ou na ausência deste. Cuida das coisas antes do culto, faz registros, retira a coleta, assina a conta bancária com o ministro, entre outras coisas.
  • Segundo(a) Guardião(ã): Ajuda e substitui o Primeiro Guardião na ausência deste, assumindo suas funções.
  • Custódio(a) do Patrimônio: Zela, registra e providencia o conserto ou aquisição de utensílios e equipamentos necessários à vida da Paróquia.
  • Secretários(as): Registram as reuniões da Junta, registram as assembleias paroquiais e lidam com a correspondência paroquial.
  • Vogal: Apóia as atividades da Paróquia e serviços específicos solicitados pela Junta ou pelo Clero Paroquial.
  • Tesoureiros(as): Registram as contribuições, recolhem e registram a coleta dominical, fazem o controle financeiro (caixa) da Paróquia. Prestam relatório mensal à Junta e relatório semestral à Diocese.

A Paróquia tem sua organização litúrgica a cargo do Sodalício do Altar, grupo de pessoas que preparam, semanalmente, o altar e o material que será utilizado nas celebrações e cultos da comunidade.

No serviço litúrgico e pastoral, o clero é auxiliado pelo Ministério Leigo, composto por pessoas  cujas funções são bem definidas tanto no culto quanto em outras atividades da comunidade, conforme sua Carta de Instituição. Essas pessoas são escolhidas pelo clero, preparadas adequadamente e instituídas pelo Bispo da Diocese, em ofício público diante da Congregação, com um mandato de 3 anos podendo sempre ser renovado, se assim desejar a pessoa,  a critério do clero e do Bispo.

—///—

Uma comunidade de fé cristã, na Diocese Anglicana do Rio de Janeiro, em comunhão com a Sé de Cantuária; uma comunidade acolhedora, sem imposições moralistas, procurando vivenciar o Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo.