Nova esperança para um novo mundo 

Simeão foi um profeta. E posso já imaginá-lo vestindo roupas longas e indo para o templo fazer suas preces. E ele rogava pela vinda do Messias… Aquele que traria a salvação para o mundo: o Cristo do Senhor. Sua vida inteira seguiu aquele curso. Ele esperou pela vinda do Cristo, e quando ele finalmente viu Jesus, ainda um bebê naquele mesmo templo, finalmente ele pode sentir que sua missão foi cumprida (cf. Lucas 2.25-35).

Todos nós temos uma missão neste mundo. Mas às vezes nos perguntamos o porquê de a vida ser tão difícil, ou por que existe tanto sofrimento neste mundo. Quando tento refletir sobre tudo isso, quase desmaio…

O fato é que a vida não tem sido fácil, nem para mim, nem para vocês. Não me é possível lembrar-me de um só mês na minha vida, desde que tinha por volta de treze anos, no qual não fui confrontado com realidades múltiplas – realidades que terei de encarar para o resto da minha vida: intolerância, ignorância, ódio, preconceito, falta de fé, falta de respeito, desespero. E ainda, tenho certeza que meus sofrimentos não são nada comparados ao que muitos homens e mulheres têm passado: guerras, perseguições, prisões e tantos outros impronunciáveis atos de ignorância.24

           Mas, toda vez que sinto que não vou conseguir continuar, lembro-me daquele velho Simeão e de sua vida fiel. E percebo que tudo o que posso dizer é “Senhor, dá-me forças para ser Teu servo e cumprir Tua vontade na minha vida”. E nem sei se Simeão era rico ou pobre, educado ou analfabeto, feio ou bonito… Mas sei que ele era um ser humano (como nós) e sua vida também foi repleta de dores e tristes episódios. Entretanto, ele pedia incessantemente para que fosse cumprida a vontade de Deus (e não a dele) em sua vida.

            “Agora, Senhor, despedes em paz o teu servo, segundo a tua palavra; pois os meus olhos já viram a tua salvação, a qual tu preparaste ante a face de todos os povos; luz para revelação aos gentios, e para glória do teu povo Israel.”

A vontade de Deus é esta criança que nasceu de uma virgem. Uma criança que representa um verdadeiro milagre! E quando deixamos esse milagre nascer em nossas vidas, não importa mais quão difícil ela é ou quanto ainda temos que seguir para ter nossa missão cumprida.

Afinal, é isso o que significa “estar vivo”. É ter esperança. A esperança de que cada vez em que essa criança nasce no coração de alguém, um novo mundo nasce consigo semelhantemente. E devemos inundar este mundo com um novo mundo, ainda a ser inteiramente governado por esse menino maravilhoso, que veio libertar os cativos, proclamar amor eterno e paz entre as nações. E quando tal criança crescer e der fruto em nossas vidas, seremos preenchidos com essa esperança que nos fortalece para continuar e sermos Seus servos fiéis neste mundo.

Vem, Emanuel! Habita em nossos corações. Acaba com a discórdia humana, e que um novo reino de paz seja estabelecido. Exulta, porque ele já vem!

Rev. Luiz Coelho

Um comentário em “Nova esperança para um novo mundo ”

  1. Que bom , Revererendo Luiz, saber que ELE já veio e habita em ti. Que bom constatar que teu depimento é verdadeiro e deverá seguir de guia para quem ainda O procura. Que haja sempre ENTUSIASMO em tua palavra. No poder do Espírito Santo. Lenyr

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.