Santo Matrimônio

O ser humano não foi feito para viver sozinho. Só nos tornamos mais plenamente humanos quando compartilhamos a vida com alguém. Uma das formas de experimentar uma comunidade de amor é o casamento ou matrimônio. O Livro de Oração Comum afirma que a procriação não é a meta principal e exclusiva do casamento. Pelo contrário, em primeiro lugar está a edificação mútua e a ajuda e consolo recíprocos em qualquer situação. Por fim, havendo possibilidade, deseja-se a procriação dos filhos e sua educação no conhecimento e no amor de Deus

O sinal externo do matrimônio é marcado pelas promessas solenes, pela entrega e recepção de alianças e pela união de mãos entre os noivos, além da declaração de casamento pelo(a) presbítero(a)  (Sacerdote) . O sinal interno é a benção de Deus sobre a união do casal que decide aceitar o amor de Deus em sua vida conjugal.

O Sacramento do Matrimônio sempre foi compreendido como  um sacramento permanente e único, para toda a vida. Porém, com as constantes transformações nos valores e padrões culturais, sociais e familiares, com o advento e a legalização do divórcio, e seu reconhecimento pela Igreja Anglicana, foi permitido às pessoas uma nova oportunidade, uma outra possibilidade de refazer sua vida conjugal. As segundas núpcias são precedidas de um cuidadoso processo de acompanhamento pastoral, que passa, inclusive, pelo Bispo Diocesano e deve ter um parecer favorável deste para que possa ser efetivado legal e sacramentalmente.

O Livro de Oração Comum, traz todas as orientações pastorais e litúrgicas para a realização deste rito sacramental, além de sugestões de leituras bíblicas.

Para conhecer o regulamento e orientações sobre o Santo Matrimônio nesta Paróquia, clique aqui.

 

Uma comunidade de fé cristã, na Diocese Anglicana do Rio de Janeiro, em comunhão com a Sé de Cantuária; uma comunidade acolhedora, sem imposições moralistas, procurando vivenciar o Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo.